.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. ...

. O próximo sucesso da Sony

. TakeItGame

. Eurogamer NÃO publicou an...

. Esclarecimento

. Uma opinião pessoal

. Permanência no Sapo

. A PlayStation 3 já é uma ...

. Produções Caseiras

. Lançamento da PS3 na Euro...

.arquivos

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Quarta-feira, 14 de Fevereiro de 2007

...

Hoje estou numa de ensinar. Não que seja o mais perfeito porque não o sou, mas sim porque entendo que todos temos muito de aprender, uns com os outros.

Um dos "erros" que maior confusão faz à minha cabeça, é a forma como se trata as noticias enviadas para as redacções. Elas são enviadas em formato press-release. Por exemplo:

O encontro será também ocasião para Microsoft anunciar a mais recente novidade para os estudantes universitários de cursos tecnológicos das universidades portuguesas.

Estarão presentes o Coordenador Nacional e o Coordenador Adjunto do Plano Tecnológico, Carlos Zorrinho e Rui Grilo; Luís Magalhães, Presidente da UMIC e, da parte da Microsoft Portugal, estarão o Director Geral, Nuno Duarte e o Director da Unidade de Administração Pública, Joice Fernandes.

Um dos maiores erros que tenho visto é espetarem o press-release na revista como noticia, sem mudar nada, nem sequer uma virgula. Ora os press-releases são normalmente muito curiosos... 80% têm erros ortográficos, não por culpa dos PR que os criam, mas sim porque a vida agitada destes (são responsáveis por dezenas de press-releases por dia) não lhes permite fechar os olhos ao programa do word que permite verificar a gramática e ortografia dos textos. Este pequeno programa deixa passar muitos erros, mesmo o famoso FLIP não corrige tudo e assim os press-releases que são muito úteis para nós, chegam às nossas mãos com algumas partidas.

Um dos exemplos mais frequentes é quando a agência de comunicação mete o simbolo ™ e ele aparece no press-release como TM. Mas há erros mais grossos e dá-me um gozo tremendo vê-los nas noticias daqueles que se dizem "o maior portal..." , "o melhor portal...". Se fossem o maior ou o melhor, não teriam dado os maiores e os piores erros, mas é a vida, nem todos podemos ser iguais.

Contudo, entre todos os ditos "profissionais", há quem tenha o cuidado de pegar no press-release e fabricar a noticia a partir dele, dando o seu cunho pessoal. E assim dá gosto de ler noticias frescas, muitas das vezes interessantes e sobretudo sem os irritantes erros. Hoje vi um TM em vez de um ™ na página de jogos de um jornal e ri-me.

Este texto não pretendeu criticar ou rebaixar ninguém, mas sim alertar para que as noticias de amanhã sejam cada vez melhores e menos artificiais. Sejam criativos!

sinto-me:
tags:
publicado por realidadefictional às 23:31

link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 12 de Fevereiro de 2007

O próximo sucesso da Sony

Por causa do meu trabalho e também do meu gosto pelos jogos, não sou nem nunca fui adepto de uma só consola, gosto de todas, são as minhas meninas. Por isso não é muito complicado adivinhar o sucesso que a nova consola da Sony vai ter em Portugal e na Europa.

Lembro-me que quando a PS2 foi lançada, a crítica era tremenda. O preço altíssimo era um insulto para o poder de compra dos portugueses e os jogos não eram merecedores de destaque. Mas as consolas foram todas vendidas e tem sido um sucesso, ao ponto de 50% dos lares portugueses estarem equipados com uma PS2, mais de 600 mil consolas no mercado.

Também me lembro de ter dado 20 contos por um jogo para NES e 58 contos por uma consola NES, que na altura era uma fortuna. Infelizmente a memória do zé povinho é curta e esquece-se fácilmente destes pormenores.

A PS3 entra no mercado a um preço tentador, 599 euros. Se tivermos em conta os preços de há cinco anos atrás, a PS3 vai sair mais barata que a PS2, nem mais nem menos.

Vem equipado com um leitor Blu-Ray que custa no mercado actual mais de 700 euros. Permite fácilmente navegar na Net, permite jogar jogos a 1080p a norma da alta definição, oferece ainda uma loja onde se pode comprar jogos, sendo o Tekken uma das jóias da coroa.

Por isso mesmo tenho a certeza que nos dias seguintes ao lançamento, a palavra esgotada vai invadir as lojas portuguesas, porque vai ser um tremendo sucesso. Eu pelo menos vou ocupar a primeira fila para ver o primeiro sortudo a levar uma para casa... e tu? Vais ficar em casa? 

sinto-me:
tags:
publicado por realidadefictional às 22:28

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Domingo, 11 de Fevereiro de 2007

TakeItGame

Estou muito satisfeito porque na última Sexta-Feira a TakeItGame foi a primeira em Portugal a emitir ao vivo um evento de videojogos. A ajuda da Clara.net foi preciosa com 100mbps de banda e foi um sucesso com o servidor a ir abaixo no final do evento, por causa do excesso de ligações.

Mas o que é a TakeItGame?

É um canal multimédia especializado em videojogos e tudo o que se relaciona com eles. É acima de tudo o futuro das revistas Online de videojogos especializadas, que usa e abusa das potencialidades da Web 2.0.

Há mais segredos por detrás da TakeItGame mas ainda não as posso revelar... tudo a seu tempo.

O mais importante é saberem que estamos a criar um Talk Show semanal, vamos emitir video reviews e video previews. Os especiais terão um papel importante, assim noticias em cima do acontecimento.

As nossas análises e previsões vão incidir mais nos pormenores mais pequenos que os jogos possuem. Teremos uma àrea de dicas multimédia para quem quiser usar e temos possibilidade, sempre que nos solicitarem, de fazermos a cobertura de eventos internacionais, emitindo em directo para Portugal, usando o "streaming Live".

Deixo-vos um cheirinho do que estamos a fazer:

 

 

 

sinto-me:
publicado por realidadefictional às 17:12

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|

Eurogamer NÃO publicou análises aos jogos PS3 europeus

Isto é para o anónimo que me criticou pelo facto de estar contra quem comece a publicar análises de jogos PS3 um mês e meio antes do lançamento da consola.

O anónimo orgulhosamente apresentou um link parte das análises Eurogamer mas esqueceu-se de as ler ou de ver ao pormenor as informações que a Eurogamer coloca ao dispor de todos os seus leitores.

Para que não restem dúvidas entrem neste link análise do jogo MotorStorm e vejam com atenção o quadro da esquerda. Tem as informações do jogo, editora, produtora e embaixo diz que é Japanese Import isto é, estão a ler a análise de um jogo importado do Japão.

Caro anónimo, afinal não tem razão e tentou de todas as formas acusar o reputado portal Eurogamer que sim, tinha já analisado e publicado análises, tal o site que tanto adora fez.

Tive o cuidado de contactar o editor do Eurogamer Kristan Reed que fartou-se de rir com o facto. Ele diz que é um grave procedimento publicar análises de jogos de uma consola que é colocada à venda um mês e meio depois. É grave e é uma falta de profissionalismo tremenda. O Kristan também confessou que os maiores portais de jogos europeus não costumam cometer estas gaffes.

Enfim senhor anónimo, fique bem, tenha um resto de um bom fim-de-semana e antes de largar postas de bacalhau, pesquise com cuidado. Desta vez. errou redondamente. Já agora, existe em Portugal várias escolhas de linguas, para o caso de necessitar aprender a lêr inglês.

sinto-me:
tags:
publicado por realidadefictional às 02:02

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 9 de Fevereiro de 2007

Esclarecimento

Vamos ver se nos entendemos. No post anterior, refilei pelo facto de estarem a ser publicadas análises de jogos PS3, a quase um mês e meio do lançamento da consola. Não mencionei nomes, não apontei endereços, quem ficou picado ficou, apenas pretendi demonstrar que é um erro.

Os leitores, os vossos leitores, neste momento querem saber pormenores da consola, como funciona, se faz barulho, se o disco trabalha como deve ser, como é a imagem, como funciona o serviço online (a debugger não permite uma análise profunda, mas há muito material na net sobre o assunto), o que pensam do seu aspecto, etc, etc, etc.

Os jogos são importantes, mas nesta fase o mais importante é a consola. Eu sei que querem ser os primeiros a mostrarem trabalho aos vossos leitores, mas nem sempre os primeiros ganham os louros. Os jogos da PS3 (a maioria) devem ser jogados exaustivamente, se possivel terminá-los e isso demora tempo. Ora eu sei quando receberam a debugger e sei que o MotorStorm não é para ser analisado em menos de três dias.... é um mau serviço que estão a prestar, não a mim que me estou a cagar para isso, mas aos vossos leitores. Será que é complicado perceber isto?

A crítica construtiva sempre foi bem-vinda em todo o mundo, se eu critico é para mais tarde aplaudir. E graças a Deus a liberdade de expressão permite-me dizer o que penso, não para destruir mas sim para construir.

Finalmente, se querem falar pelo menos tenham a coragem de se identificarem, dizerem quem são antes de mandarem bocas. Por quem responde anónimamente é um COBARDE. 

sinto-me:
tags:
publicado por realidadefictional às 15:47

link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Fevereiro de 2007

Uma opinião pessoal

Prometi a mim mesmo que não voltaria ao mesmo assunto, mas muito sinceramente, começo a ficar farto da falta de profissionalismo de certos "falsos profissionais". Se olharem à vossa volta, verão que a maioria da imprensa especializada se preocupa neste momento a conhecer a PS3 por fora e por dentro, em vez de iniciar numa caminhada alucinante e cheia de erros, a analisar os jogos que já recebeu.

Estamos a 8 de Fevereiro, a PS3 apenas vai ser lançada no dia 23 de Março, será que faz sentido andarem a publicarem análises de uma consola que só será lançada daqui a um mês e meio? Eu não creio e a maioria dos jogadores também têm a mesma opinião.

Esta é uma altura de descoberta, as redacções receberam as suas debuggers há menos de três dias e um jogo PS3 tem que ser analisado ao pormenor depois de se conhecer os segredos da própria consola. Vejam a Eurogamer, a Meristation, o Gamespot.uk, o Jeux de France ou o Jeux de Video... são os maiores portais de videojogos da Europa e nenhum, mas nenhum anda a publicar análises de jogos. Porque será que só isto acontece em Portugal?

Em vez de melhorem a reputação da imprensa especializada portuguesa estão a piorar o estado das coisas. Sinceramente, estou-me a lixar se fazem ou não fazem, mas não gosto de ver o meu trabalho destruído em poucos segundos. E mais uma vez, se querem ser os primeiros, que sejam, mas lembrem-se que os primeiros ficam geralmente em último lugar.

E é este o meu conselho que dou a todos os que se recusaram a cair na mesma tentação. Peguem na vossa consola, examinem com toda a atenção, testem todas as suas capacidades, façam artigos criativos, com valor para os vossos leitores. Têm até final de Fevereiro para conhecerem a PS3 a fundo. Ao mesmo tempo joguem os jogos que já têm em vosso poder com prazer, não caiam na tentação de os analisar. Joguem a fundo, vejam todos os seus pormenores, há tempo de sobra e muito jogo à vossa frente.

E no início de Março, comecem a analisar os mesmos jogos, jogando já com o vosso olho clínico, mas não façam análises de 3 dias a despachar, façam-nas bem, como bons profissionais que são. É por saber que todos podem ser profissionais que arrebento quando vejo um monte de merda feita porque quem não tem classe.

sinto-me:
tags:
publicado por realidadefictional às 01:10

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Quinta-feira, 1 de Fevereiro de 2007

Permanência no Sapo

Quem andou mais atento, deve ter reparado que tentei mudar o blog para outro local. Acabei porque não o fazer porque entendo que o Sapo tem de facto um bom serviço de blogs e que apesar de ser menos conhecido tem-me surpreendido.

Em 2007 vão poder-me ver mais vezes por aqui e vão poder saber antecipadamento as surpresas que ando a preparar para a minha página de jogos do Correio de Domingo. Vídeos produção nacional, fotos curiosas, e muita escrita.

Espero que gostem!

sinto-me:
publicado por realidadefictional às 16:45

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

A PlayStation 3 já é uma realidade!

Quando existe um lançamento de uma consola, qualquer tipo de consola, a imprensa é a primeira a receber e visualizar os primeiros jogos de lançamento. E esta manhã, o carteiro (que é o melhor amigo dos analistas de videojogos) tocou à porta e entregou o primeiro disco blu-ray, a primeira review code de um jogo para a PS3.

Confesso que me tocou no coração, porque é um alto momento, sinal que a consola está quase a chegar e que o stress vai também aumentar, assim como a alegria de experimentar alguns mimos.

Como a imprensa especializada em Portugal sofreu uma altíssima psicose, existindo um boom de revistas, portais, programas de televisão, nós os analistas temos de lutar para receber os mimos que queremos analisar. A ideia de que "estamos num grande meio por isso vou receber" é falsa, muito falsa. De facto o Correio da Manhã é o jornal que mais vende em Portugal e aquele que melhores passatempos de videojogos oferece aos seus leitores, mas mesmo assim não é uma carta verde para receber todos os jogos.

Apesar de tudo, já tenho a certeza que irei receber um fortíssimo lineup de lançamento e o caso não é desprezar visto que já em Fevereiro vamos lançar especiais sobre os jogos e a consola na revista de Domingo, e ao mesmo tempo um dos melhores passatempos do ano, culminando com um fabuloso especial no Domingo mais próximo do lançamento (25 de Março).

E agora vamos ao trabalho... e diversão!

sinto-me:
publicado por realidadefictional às 16:30

link do post | comentar | favorito
|

.links