.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

.posts recentes

. ...

. O próximo sucesso da Sony

. TakeItGame

. Eurogamer NÃO publicou an...

. Esclarecimento

. Uma opinião pessoal

. Permanência no Sapo

. A PlayStation 3 já é uma ...

. Produções Caseiras

. Lançamento da PS3 na Euro...

.arquivos

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds

Domingo, 11 de Fevereiro de 2007

Eurogamer NÃO publicou análises aos jogos PS3 europeus

Isto é para o anónimo que me criticou pelo facto de estar contra quem comece a publicar análises de jogos PS3 um mês e meio antes do lançamento da consola.

O anónimo orgulhosamente apresentou um link parte das análises Eurogamer mas esqueceu-se de as ler ou de ver ao pormenor as informações que a Eurogamer coloca ao dispor de todos os seus leitores.

Para que não restem dúvidas entrem neste link análise do jogo MotorStorm e vejam com atenção o quadro da esquerda. Tem as informações do jogo, editora, produtora e embaixo diz que é Japanese Import isto é, estão a ler a análise de um jogo importado do Japão.

Caro anónimo, afinal não tem razão e tentou de todas as formas acusar o reputado portal Eurogamer que sim, tinha já analisado e publicado análises, tal o site que tanto adora fez.

Tive o cuidado de contactar o editor do Eurogamer Kristan Reed que fartou-se de rir com o facto. Ele diz que é um grave procedimento publicar análises de jogos de uma consola que é colocada à venda um mês e meio depois. É grave e é uma falta de profissionalismo tremenda. O Kristan também confessou que os maiores portais de jogos europeus não costumam cometer estas gaffes.

Enfim senhor anónimo, fique bem, tenha um resto de um bom fim-de-semana e antes de largar postas de bacalhau, pesquise com cuidado. Desta vez. errou redondamente. Já agora, existe em Portugal várias escolhas de linguas, para o caso de necessitar aprender a lêr inglês.

sinto-me:
tags:
publicado por realidadefictional às 02:02

link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De bravojohny a 11 de Fevereiro de 2007 às 11:13
Viva Luís!

Curioso este assunto, uma vez que na minha opinião também a Eurogamer não devia ter publicado a review ao motorstorm ainda que o código de jogo seja japonês. Na altura até referi no fórum IC isso mesmo. Ou seja, fazem uma análise uma vez e depois voltam a fazer outra com a versão PAL. Parece-me escusado. Se a Europa ficou para último lugar na distribuição de jogos para a consola PS3, essa decisão, mesmo da parte dos jornalistas, tem que ser respeitada até aos dias anteriores ao lançamento.
Já agora podes-me dizer qual o código de jogo que vos remeteram para análise, se é PAL ou NTSC (US)?
De Mandalorian a 11 de Fevereiro de 2007 às 12:32
Desculpa estar-me a intrometer... a versão dos jogos PS3 que nos foi dada é a versão PAL, acredito que para o Luis tenha acontecido o mesmo.

Em relação à Eurogamer, eles deixam lá bem explicito que a review é import. No Eurogamer, apesar do site ser europeu, não passam só por lá utilizadores europeus e depois há sempre os curiosos que gostam de saber como é o jogo. Não tou com isto a defender ninguém, mas tb acho de mau gosto estar-se a analisar já jogos europeus, quando a consola ainda nem saiu.
De bravojohny a 11 de Fevereiro de 2007 às 16:38
Ok Mandalorian então sempre é a versão PAL que vos remeteram. De resto também concordo convosco. Seria de bom tom publicar as reviews na altura do lançamento, pois daqui até lá ainda vai um mês e umas semanas.
De Luis a 11 de Fevereiro de 2007 às 16:48
Reparem que eu não estou a criticar as análises mas sim a decisão de as publicarem agora, em vez de se interessarem por mostrar aos leitores a consola.

Até agora nenhum portal português me surpreendeu com um especial digno de especial. Ainda ninguém conseguiu ir às profundezas da PS3 e é isso que falta.

Em Portugal as análises aos jogos Import é apenas feito nas revistas de imprensa escrita, os portais não têm esse costume, mas se fizerem devem informar os leitores que é um jogo import e foi isso que a Eurogamer fez. A MeriStation que tem uma equipa de correspondentes a viverem no Japão faz muito este tipo de análises, assim como o Gamespot e a IGN.

Comentar post

.links